Novo Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados chega em maio de 2018 mas já está a dar que falar.

Algumas empresas já estão preocupadas com o que irá acontecer com estas novas regras.

Promete ser uma dor de cabeça para as empresas apesar de só entrar em vigor em maio de 2018. O novo Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados terá novas regras que afetam quase todos os setores de atividade.

Numa altura em que quase tudo o que fazemos e compramos envolve dados pessoais, este novo regulamento vem proteger a privacidade dos consumidores e por isso já há muitas empresas preocupadas com isso. Daniel Reis, advogado da PLMJ e especialista em telecomunicações e tecnologias da informação, explicou há dias à TSF que é contactado quase todos os dias por empresas que não sabem como interpretar as novas regras.

No fundo, as empresas terão que respeitar uma série de regras para garantir a segurança dos dados pessoais dos seus clientes e dizer o que pretendem fazer com essas informações de uma forma muito mais restrita do que a que existe hoje em dia.

A detenção de uma base de dados, como já falámos noutros artigos, é das coisas mais importantes de uma empresa mas também é muito sensível e tem que ser tratada com muito cuidado.